EMPEV adquire brinquedos novos, saiba mais sobre a importância do brincar para a aprendizagem.



EMPEV ADQUIRE BRINQUEDOS NOVOS PARA A "CASINHA" E RECREIO, SAIBA MAIS SOBRE A IMPORTÂNCIA DO BRINCAR PARA A APRENDIZAGEM.

Uma das primeiras atividades humanas é a brincadeira. Jogos e brincadeiras são mediadores na relação com as coisas do mundo e, por meio deles, a criança aprende quase tudo o que vai precisar na vida adulta. Não importa o tipo de brincadeira nem o local, a alegria de brincar é semelhante em todo o mundo.
Novos brinquedos. EMPEV fev/2019.
Novos brinquedos. EMPEV fev/2019.
   Jogos e brincadeiras são recursos necessários na construção da identidade, da autonomia infantil e das diferentes linguagens das crianças. O Referencial Curricular Nacional para a Educação Infantil (RCNEI) diz o seguinte sobre esse assunto: “As brincadeiras de faz de conta, os jogos de construção e aqueles que possuem regras, como os jogos de sociedade (também chamados de jogos de tabuleiro), jogos tradicionais, didáticos, corporais etc., propiciam a ampliação dos conhecimentos infantis por meio da atividade lúdica”.
 A palavra lúdico tem origem do latim ludus e quer dizer “jogos/brincadeiras”. O lúdico faz parte da atividade humana e caracteriza-se por ser espontâneo e funcional, não importando somente o resultado, mas a ação, o momento vivenciado, a partir do brinquedo, das brincadeiras ou dos jogos.
 É através das atividades lúdicas que a criança pode conviver com os diferentes sentimentos que fazem parte da sua realidade. Ela irá aos poucos se conhecendo melhor, aceitando a existência dos outros e estabelecendo suas relações sociais.
 Ao propor um jogo, além dos objetivos cognitivos a serem alcançados, espera-se que os alunos sejam capazes de:
  • Respeitar limites: desenvolver hábitos e atitudes, respeitar o outro, melhorar o comportamento social, trabalhar a competição como parte e não como essência do jogo (saber perder e ganhar);
  • Socializar: aprender a viver e conviver em sociedade, criando vínculos verdadeiros com os colegas, ampliando o sentimento de grupo, gerando um ambiente de colaboração e cooperação e promovendo relações de confiança entre todos os aprendentes;
  • Criar e explorar a criatividade: o jogo proporciona o desenvolvimento do pensamento criativo e do pensamento divergente, gerados pela criatividade. Desse modo, os alunos podem inovar e descobrir formas para se relacionarem com a aprendizagem;
  • Aprender a pesquisar (aprender a aprender): desenvolver nos aprendentes o gosto pela busca, pela iniciativa e pela tomada de decisões.
 Como mencionamos, jogos na Educação Infantil e nos anos iniciais do ensino fundamental são essenciais para o desenvolvimento do processo de ensino–aprendizagem. Porém, para estruturar o campo das brincadeiras na vida dos alunos nessa fase, é necessária a intervenção do adulto, na figura do professor, atuando como facilitador, como mediador, apresentando o verdadeiro significado da aprendizagem com desejo e prazer. O professor organiza sua base estrutural por meio da oferta de determinados objetos, brinquedos ou jogos; proporciona delimitação e arranjo dos espaços e do tempo para brincar.
 É também por meio de brincadeiras e jogos que os professores podem observar e construir uma visão dos processos de desenvolvimento das crianças em conjunto e de cada uma individualmente, registrando suas capacidades de uso das linguagens, capacidades sociais e recursos afetivos e emocionais.
 No planejamento de uma atividade, o professor deve antes adequar o tipo de jogo ao seu público e ao conteúdo a ser trabalhado, para que os resultados sejam satisfatórios e os objetivos alcançados.
 Faz-se necessário que o professor tenha sempre em mente a importância de inserir em seu planejamento principalmente jogos de construção, que proporcionam à criança a oportunidade de fazer ordenações sobre os objetos. Esses jogos são responsáveis por importantes e diferentes aquisições para o desenvolvimento intelectual e motor da criança, tais como classificação, seriação, equilíbrio, noções de quantidade, tamanho, peso, discriminação de cores e formas.

Fonte: Casa Publicadora Brasileira. CPB Educacional. Disponível em <https://educacional.cpb.com.br/conteudos/universo-educacao/aprender-brincando/>, acesso em fev 2019.
 
Share:
Blog da Escola Municipal Professora Efigênia Vidigal, Belo Horizonte - MG. Tecnologia do Blogger.

Política de segurança alimentar de Belo Horizonte é referência Internacional.

Reconhecida internacionalmente por meio de prêmios e participação em fóruns e conferências internacionais, a política de Segurança Aliment...

Total de visualizações de página

Pesquisar neste blog

Notificações via e-mail